A Loja Maçônica Cotinguiba comemora 150 anos de fundação

No dia 10 de novembro, fará exatamente 150 anos que a Loja Simbólica Cotinguiba foi fundada sob os auspícios do Grande Oriente do Brasil. O objetivo era de sedimentar em terras aracajuanas os ensinamentos maçônicos, que clamam pela igualdade dos povos.

 

Para comemorar a passagem do sesquicentenário da Loja Simbólica Cotinguiba foi preparada uma programação especial entre os dias 8 e 11 de novembro. Dentro da programação estão previstas palestras, lançamento de livros e um grande baile.

 

Programação:

 

No dia 8 de novembro às 20 horas, no Teatro Atheneu, ocorre a Cerimônia de Abertura com a participação da Orquestra Sinfônica de Sergipe e o Coral Canto Fraterno formado por maçons e cunhadas do Grande Oriente do Brasil.

 

No dia 9, a partir das 19 horas, haverá Sessão Magna Pública na sede da Loja, na rua Santo Amaro, 171, no centro de Aracaju, com palestra a ser ministrada pelo General Antônio Carlos de Oliveira Freitas (Chefe G.S.I | da Presidência da República) que terá como tema – “Segurança Cibernética e da Informação”.

 

Logo após a palestra, às 21h30 terá o lançamento dos livros – “Maçonaria – Educação, Cultura e Direitos Humanos” de autoria de José Anderson Nascimento, e “Saudade dos Bons Tempos” de autoria de Valdir Feitosa Nunes.

 

Já no dia 10 de novembro, às 20 horas, ocorrerá a Instalação e Posse da Fraternidade Feminina (Tânia Tojal Mendonça).

 

E no dia 11 de novembro, o encerramento em comemoração ao sesquicentenário em grande estilo. A programação do evento inclui uma sessão Magna, no prédio da Loja, e logo após às 22 horas, um jantar de gala ao som da Banda Água Viva, no salão do Iate Clube de Aracaju.

 

Essas comemorações são um momento importante para todos os irmãos maçons, e servem também para conscientizar a todos sobre a importância do movimento maçônico na construção de uma sociedade mais justa e fraterna.

 

História de fundação da Loja Cotinguiba N 235

 

Segundo os estudiosos da Maçonaria, a Cotinguiba foi criada no dia 10 de novembro de 1872, a partir da fusão de 3 lojas que não prosperaram, e inicialmente foi composta por empresários de diversos segmentos, profissionais liberais, funcionários públicos e militares.

 

Segundo o historiador Clodomir Silva, o funcionamento da Loja inicialmente se deu em um edifício particular, pelo motivo de ainda não haver terminado a construção do templo que teve seu projeto iniciado apenas em 1885.

 

Cravada desde então na rua Santo Amaro, a Loja Cotinguiba atravessou o tempo, e ao longo das décadas os irmãos lutaram por uma sociedade livre, de bons costumes, calcada na democracia.

crédito Blog Luiz Eduardo Costa

WhatsApp Image 2024-07-11 at 10.09
Banda Nata do Samba vai se apresentar em Aracaju nesta sexta-feira (12)
IMG_20240702_004334_115
Abrahão Crispim será homenageado na festa dos 90 anos do SEEB/SE
andersonramos_presidenteaci
Presidente da ACI/SE denuncia problemas na emissão do ITBI na Barra dos Coqueiros
Rolar para cima
Rolar para cima