Cirurgião bucomaxilofacial: entenda o que faz o especialista e sua importância para a saúde bucal e facial

Especialistas da odontologia que tratam da saúde bucal e facial, os cirurgiões bucomaxilofaciais são responsáveis pelo estudo, diagnóstico e tratamento de disfunções, doenças ou traumas que acometem a região orofacial. A especialidade, cuja missão está relacionada à devolução da saúde e da autoestima do paciente, é lembrada internacionalmente no dia 13 de fevereiro e possui, segundo dados Conselho Federal de Odontologia (CFO), mais de 7 mil profissionais no Brasil.
O cirurgião Breno Barbosa, especialista em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial, explica que o profissional desta área da odontologia, é responsável por diversos procedimentos, que são realizados tanto em consultório, como em ambiente hospitalar.  “O cirurgião bucomaxilofacial é responsável pelo tratamento cirúrgico de deformidades dentofaciais, traumatismos da face, disfunções da articulação temporomandibular (ATM), tumores benignos e demais patologias que acometem a cavidade oral e região maxilofacial”.
Entre os casos mais comuns, conforme o especialista, estão desde os mais simples, como a remoção de sisos e lesões da boca, até casos mais complexos, a exemplo daqueles que envolvem a cirurgia ortognática e tratamentos de fraturas na face. “A atuação do cirurgiãobucomaxilofacial é ampla, porém, entre os procedimentos mais comuns, estão os tratamentos de deformidades dentofaciais, que são os pacientes que têm queixo pra frente (prognatismo mandibular) ou queixo curto (retrognatismo), a realização de implantes dentários, além das disfunções temporomandibulares (DTM) e os traumatismos faciais causados por acidentes, agressão, queda acidental, dentre outras”, detalha.
De acordo com o Dr. Breno Barbosa, a presença de cirurgiões buxomaxilofaciais em urgências e emergências é de suma importância, já que eles atuam em conjunto com outros profissionais em casos de acidentes, quedas ou violências que atingem a região da face. “Nos casos de traumas faciais, quanto mais recente for a avaliação do bucomaxilo e a intervenção cirúrgica para redução de fraturas, fixação e suturas, melhor será o resultado do tratamento. Daí a importância do serviço de urgência de Cirurgia Bucomaxilofacial para o pronto-atendimento de traumatismos dentofaciais”, ressalta.
Os cirurgiões também são destaque quando o assunto é a realização de cirurgia ortognática, procedimento, que segundo o Colégio Brasileiro de Cirurgia e Traumatologia, precisa ser feito por quase 10 milhões de brasileiros.  “A cirurgia ortognática visa corrigir deformidade e melhorar a funcionalidade do complexo maxilo-mandibular, sendo indicada para pacientes que têm o queixo muito para frente, queixo curto ou quando o osso é mais deslocado para um lado. Trata-se de um procedimento que acaba repercutindo em benefícios estéticos, pois uma vez que posicionamos corretamente as bases ósseas da face, o paciente ganha uma face mais harmônica”, comenta.
Assim como em diversas áreas da saúde, as cirurgias bucomaxilofaciais também têm sido beneficiadas com o advento da tecnologia, em especial, com a possibilidade de fazer o planejamento virtual cirúrgico. “Através de um software, o cirurgião consegue planejar a cirurgia de um paciente com uma grande riqueza de detalhes e previsibilidade. Costumo dizer que o cirurgião opera o paciente antes mesmo de entrar no centro cirúrgico e já vai para o procedimento, sabendo exatamente os movimentos que terá que realizar na cirurgia. Ah, outra vantagem incrível é que o paciente pode opinar e participar dessa etapa de planejamento do seu próprio procedimento”, finaliza.
Assessoria de imprensa
WhatsApp Image 2024-04-09 at 10.57
Cícero do Santa Maria cobra realização de exames de ultrassonografias em Aracaju
WhatsApp Image 2024-04-09 at 10.57
“Famílias carentes não conseguem pagar taxa de esgoto da Deso”, afirma vereador Cícero do Santa Maria
G
Ricardo Vasconcelos: a esperança de uma nova história na política aracajuana
Rolar para cima
Rolar para cima