Mulheres quilombolas fazem curso de ovos de Páscoa na Fábrica de Chocolate do Senac

Um grupo de 10 mulheres da comunidade quilombola Mussuca, do município de Laranjeira, estão participando do curso de fabricação de ovos de Páscoa, que está sendo oferecido pelo Senac Sergipe, em parceria com a Coordenadoria da Mulher, do Tribunal de Justiça. As aulas estão sendo ministradas pela instrutora Edivane Teles, na Fábrica de Chocolate montada na Vila da Páscoa, nos Lagos da Orla da Atalaia.

“Nós estamos especificamente trabalhando com ovos de Páscoa. Mas as técnicas que elas estão aprendendo aqui de manipulação do chocolate, derretimento, temperagem e outras, elas vão poder colocar em prática durante todo o ano, para fazer produtos à base de chocolate para comercializar, pois as técnicas são as mesmas. Neste curso, estamos ensinando a fabricação de ovos de chocolate, por causa da proximidade da Páscoa”, destacou a instrutora.

Mais uma turma de 10 mulheres da Mussuca, farão o curso ainda este mês, na Fábrica de Chocolate.

“Essas duas turmas foram ofertadas por meio de convênio com o Tribunal de Justiça, para mulheres quilombolas. Teremos mais uma turma, também com 10 mulheres catadoras de mangaba, que foi viabilizada em parceria com o Instituto João Carlos Paes Mendonça. Com isso fecharemos 30 mulheres que serão qualificadas”, enfatizou o gerente do Centro de Gastronomia e Turismo (CGT) do Senac-SE, José Américo Siqueira.

“Estou gostando bastante do curso, porque a instrutora explica tudo detalhadamente, desde a higienização, como derreter o chocolate, como fazer o resfriamento, como armazenar, as formas mais práticas de trabalhar, que são informações importantes. Estou com uma grande expectativa de sair daqui pensando em ganhar um extra, preparando produtos para vendar ainda agora na Páscoa”, detalhou Roseane Santos Oliveira.

“Está sendo um curso bastante interessante, que gera renda para as mulheres da comunidade. Foi uma qualificação viabilizada através da Coordenadoria da Mulher de Laranjeiras, que incentiva nós que vivemos mais isoladas a ter meios para obter uma renda e ter independência financeira”, destacou Fernanda Carla Santos Lima.

Fábrica de Chocolate

A Fábrica de Chocolate estará com cursos até o dia 31 de março, quando serão encerradas as atividades da Vila da Páscoa. A partir da próxima sexta, 15, serão realizadas aulas shows, nas sextas, sábados e domingos, às 18h, 19h30 e 21h, com degustação de chocolate.

“A cada noite, após cada aula show, distribuiremos 100 chocolates fabricados pela equipe Senac, para o público que for à Vila da Páscoa. Serão 300 por noite, 900 a cada final de semana e 2,7 mil chocolates até o dia 31 de março, quando será encerrada a programação”, informou José Américo Siqueira.

WhatsApp Image 2024-04-09 at 10.57
Cícero do Santa Maria cobra realização de exames de ultrassonografias em Aracaju
WhatsApp Image 2024-04-09 at 10.57
“Famílias carentes não conseguem pagar taxa de esgoto da Deso”, afirma vereador Cícero do Santa Maria
G
Ricardo Vasconcelos: a esperança de uma nova história na política aracajuana
Rolar para cima
Rolar para cima