Na véspera do Dia do Orgulho Autista, Kadu Lins faz treinamento sobre a importância da atividade física no tratamento de pessoas com TEA

Kadu Lins, diretor geral do Instituto do Autismo (IDA) e especialista em psicomotricidade, comanda treinamento neste sábado (17), em Aracaju, abrindo programação educativa e inclusiva voltada ao Dia do Orgulho Autista, celebrado neste domingo (18). Kadu abordará o tema “Prescrição de Exercício Físico para o Indivíduo Autista” em imersão voltada aos alunos do curso de pós-graduação em Saúde, do Instituto Valorize. O especialista lidera movimento de inovação e assistência a pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA), com ênfase para impactos positivos e os avanços efetivos na aplicação estruturada da atividade física para pessoas neuroatípicas.

Kadu Lins aborda os ganhos na qualidade de vida e desenvolvimento integrado das pessoas com TEA por meio da pratica de exercícios. O especialista aponta que atividades e modalidades diversas podem ser adaptadas e estruturadas para atender às necessidades e individualidades de cada quadro. Circuitos de agilidade e equilíbrio, brincadeiras lúdicas estruturadas, e atividades esportivas, como natação e futebol, trazem benefícios psíquicos e motores às pessoas com TEA.

“Com um cronograma estruturado, e com execução supervisionada, o exercício físico realizado regularmente tem papel fundamental no processo na autonomia, na socialização, no desenvolvimento motor e na saúde como um todo dos autistas, complementando e potencializando as mais diversas abordagens de tratamento. E estes são apenas alguns pontos positivos, existe uma infinidade de ganhos”, considera Kadu Lins, especialista em psicomotricidade e diretor geral do Instituto do Autismo.

A aula especial “Prescrição de Exercício Físico para o Indivíduo Autista?” acontece neste sábado (17), das 8h às 17h. A abordagem é direcionada aos alunos do curso de pós-graduação em “Exercício Físico Aplicado a Grupos Especiais e Prevenção/Recuperação de Lesões”, do Instituto Valorize.

SOBRE – Kadu Lins (35 anos), diretor geral do Instituto do Autismo (IDA), tem formação em Educação Física pela Universidade de Pernambuco (2012) e ampla experiência acadêmica na área por meio de estudos em centros nos Estados Unidos e na Austrália. Especialista em psicomotricidade e referência na abordagem respeitosa e inclusiva no tratamento do autismo, segmento que atua há mais de 10 anos, o pernambucano tem como meta impactar mais de 3.000 famílias até 2023 com seu trabalho em assistência e treinamentos sobre o autismo.

Com forte habilidade em comunicação e vasto conhecimento técnico sobre o funcionamento e as potencialidades do exercício físico para o corpo humano, Kadu teve seus principais passos profissionais voltados ao cuidado com o próximo ao transformar vidas por meio da atividade física, do respeito e da disciplina. Especializou-se em diversas áreas, mas se encontrou na psicomotricidade. Foi neste campo que o recifense desenvolveu o senso crítico para seu propósito de mercado: impactar na qualidade de vida das pessoas por meio do trabalho voltado à reabilitação através da visão integrada entre psiquismo, relações socioemocionais e motricidade.

Em dezembro de 2020, iniciou a operação do Instituto do Autismo (IDA), imergindo 100% na área e, com pouco tempo, passou a ser entendido pelo mercado como referência na assistência inclusiva, respeitosa e multidisciplinar a crianças e adolescentes com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e necessidades específicas em neurodesenvolvimento.

Com pouco mais de dois anos de funcionamento, o centro é apontado como ícone no setor pela abordagem amplificada e oferta de programa diferenciado de desenvolvimento esportivo, englobando quase 10 modalidades. O IDA assiste diretamente mais de 200 crianças e adolescentes autistas, entre dois e 17 anos. Gerando mais de 300 empregos diretos e indiretos, o instituto passa por acelerado processo de expansão, com perspectiva de crescimento em torno de 200% até 2023.

SOBRE O IDA – Fundado em 2020, o Instituto do Autismo é referência no tratamento inclusivo a crianças e adolescentes com Transtorno do Espectro Autista (TEA). Atualmente, a rede conta com três unidades em operação em Pernambuco (Boa Viagem-PE, Imbiribeira-PE e Igarassu-PE) e programa a abertura de mais duas instalações para os próximos meses, nos bairros do Poço da Panela e nas Graças, ambos na Zona Norte da capital pernambucana. Em todas as operações são disponibilizadas equipes multidisciplinares formadas por fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, psicólogos, educadores físicos, nutricionista, além de especialistas em ABA – Análise do Comportamento Aplicada. Os serviços do IDA podem ser acessados por meio de atendimento particular ou de planos de saúde das redes conveniadas (Cassi, Fusex, Campe, Geap Saúde, Fundação Assefaz).

Assessoria

WhatsApp Image 2024-07-11 at 10.09
Banda Nata do Samba vai se apresentar em Aracaju nesta sexta-feira (12)
IMG_20240702_004334_115
Abrahão Crispim será homenageado na festa dos 90 anos do SEEB/SE
andersonramos_presidenteaci
Presidente da ACI/SE denuncia problemas na emissão do ITBI na Barra dos Coqueiros
Rolar para cima
Rolar para cima