Terapias complementares ganham espaço entre os tratamentos de saúde para felinos

A busca por um estilo de vida mais saudável e por terapias complementares também passou a fazer parte do universo dos animais. Reiki, Terapia Floral, Thetahealing e Cromoterapia –  técnicas já utilizadas pela população em geral – também podem ser aplicadas nos felinos e se destacam pelos benefícios físicos, mentais e emocionais.
Integrante do corpo clínico da Clínica Toca dos Gatos, o veterinário especialista em felinos, Allef Souza, conta que as terapias complementares têm uma excelente aceitação entre os felinos e que as técnicas podem ser associadas à medicina veterinária tradicional para tratar diversas doenças.
“As terapias complementares possuem benefícios que abrangem todos os pilares de uma medicina completa e holística, agindo em todos os campos (mental, físico, emocional, espiritual) e tratando, por meio de um olhar mais atento e profundo, o felino como um todo. Todas e quaisquer doenças podem ser tratadas associando-se uma ou várias terapias complementares. Chamamos de ‘complementares’, pois elas complementam com perfeição as práticas e terapias adotadas comumente pela medicina tradicional/alopática”.
Praticante e estudioso da medicina integrativa, o Dr. Allef revela que as terapias complementares estão ganhando espaço e que podem ser utilizadas tanto para prevenir como para tratar doenças. “Cada vez mais temos tutores/clientes atentos, informados e carinhosos com seus felinos. Essas pessoas têm muito cuidado e, por isso, buscam o melhor, acessando a medicina mais natural e atenciosa, as quais normalmente já são adeptos”, explica.
Tratamentos
Entre as técnicas mais utilizadas estão o Reiki, a Terapia Floral, Thetahealing, Comunicação Intuitiva e Cromoterapia. Os felinos podem contar ainda com Ozonioterapia, Fitoenergética, Massoterapia, Fitoterapia, Homeopatia e Acupuntura. “Cada uma possui uma linha de atuação e forma de aplicação diferentes, mas todas visam o tratamento e a harmonização da saúde do felino de forma completa, integral e eficiente”, conta o especialista.
No Reiki, por exemplo, técnica amplamente conhecida, o profissional canaliza energias e aplica nos campos sutis do felino. Na Cromoterapia, igualmente difundida entre seres humanos, utilizam-se os poderes curativos proporcionados pelas cores e suas frequências vibracionais.
“Na Terapia Floral, essas frequências são canalizadas através das flores e outros elementos naturais. Algo excelente para atuar em diversos níveis do campo energético do felino. No Thetahealing, adentramos em um estado alterado de consciência, através de técnicas meditativas para acessar o campo sutil do paciente e do seu tutor, colhendo informações mais profundas e buscando entender a raiz da manifestação daquela patologia, bem como tratá-la”, complementa o Dr. Allef.
Na Comunicação Intuitiva, o profissional busca acessar a consciência divina/espiritual do gatinho, estabelecendo uma comunicação que se baseia em formas intuitivas de percepção do que aquele animal quer transmitir, como sons, imagens, sensações. “É uma forma de estabelecer um canal de comunicação diferente do verbal. Sendo assim, adentramos em estados mais profundos de percepção e buscamos entender a origem/causa de diversos problemas/patologias”.
Orientação
Assim como na medicina veterinária tradicional, o tutor interessado nas terapias complementares deve buscar conhecer as técnicas e o profissional. “O ideal é que o tutor se abra para as práticas integrativas e busque conhecer os seus benefícios, assim como, conhecer o profissional de perto, questionar, esclarecer dúvidas e observar os resultados em seu gato”, orienta o Dr. Allef.

Única clínica exclusiva para felinos em Sergipe, a Clínica Toca dos Gatos – fundada e capitaneada pela veterinária Candice Garcia, também oferta terapias complementares. A clínica fica na Avenida Acrísio Cruz, nº 90, bairro Salgado Filho, em Aracaju, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 22h, e aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 20h.

WhatsApp Image 2024-04-09 at 10.57
Cícero do Santa Maria cobra realização de exames de ultrassonografias em Aracaju
WhatsApp Image 2024-04-09 at 10.57
“Famílias carentes não conseguem pagar taxa de esgoto da Deso”, afirma vereador Cícero do Santa Maria
G
Ricardo Vasconcelos: a esperança de uma nova história na política aracajuana
Rolar para cima
Rolar para cima